Portugal

Dezenas de Casas de Turismo Rural para a Passagem de Ano

Quer passar a Passagem de Ano fora de casa, rodeado de família e amigos, mas longe da confusão? Temos algumas ideias para si

Está a planear a Passagem de Ano. Não quer ficar em casa, mas também não quer ir para um hotel com muita confusão? O que acha de uma casa de turismo rural? Ficará rodeado de natureza e de paz, para uma entrada calma e intimista no Ano Novo. Só terá que juntar aqueles de quem mais gosta – seja família, amigos ou ambos – e escolher o local onde gostariam de passar a noite de Réveillon.

Continue a ler para descobrir sugestões de casas de turismo rural para passar a Passagem de Ano de norte a sul do país.

Réveillon num turismo rural a Norte

O Norte tem tudo. Tem Douro, tem Gerês, tem praia. Tem mar e montanha. Se gosta das comidas do Norte (alguém falou em posta de vitela arouquesa?) e das suas afáveis gentes, clique no artigo e descubra 5 fantásticos turismos rurais para uma Passagem de Ano calma e deliciosa!

Entrar no Ano Novo numa casa de campo no Minho

Ponte de Lima, Vieira do Minho ou Viana do Castelo são algumas das opções à sua disposição caso goste da ideia de passar a Passagem de Ano no Minho. Acordar e comer um pequeno-almoço com produtos locais, fazer uma massagem no Spa ou descobrir Aldeias de Portugal no primeiro dia do Ano Novo são algumas das opções.

Réveillon nas quintas rurais do Douro Vinhateiro

Entrar no Ano Novo na zona do Alto Douro Vinhateiro é, já por si, uma experiência: todos deveríamos ter a oportunidade de, pelo menos uma vez na vida, desfrutar da vista para as vinhas e para o rio e do cenário idílico do sol ao amanhecer e entardecer a repousar sobre as encostas. Curioso? Leia mais sobre as casas e quintas rurais do Douro, onde pode fazer provas de vinhos, comer pão fresco pela manhã e nadar em piscinas com vista panorâmica.

Passagem de Ano num turismo rural do Centro

A zona Centro tem diversas aldeias e cidades pitorescas para descobrir e poderá aproveitar as miniférias do Natal para explorar a região. Entre Nelas, Mêda, Óbidos, Gouveia e Fundão, certamente irá encontrar algo que lhe agrade. Passeios de charrete ou de bicicleta, Aldeias do Xisto ou experiências rurais são algumas das atividades à sua espera.

Pernoitar num turismo rural no Alentejo durante as miniférias do Natal

O Alentejo é sempre uma boa ideia, não é verdade? Descubra as quatro sugestões para casais, famílias ou grupos. Entre uma casa de enoturismo com workshops, uma casa rural que oferece piqueniques personalizados, um turismo rural com bicicletas, uma quinta centenária com horta biológica perto de Odemira e uma herdade com banheira de hidromassagem nas suites, haverá, certamente, algo que lhe agrade.

Passagem de Ano em casas rurais no Algarve

Supomos que já saiba, mas nunca é demais recordar: o Algarve não é só praia e avalanches de turistas. Se quer descobrir o outro lado desta região, então leia o nosso artigo para descobrir cinco turismos rurais para a entrada no ano que se aproxima. E um bónus: se gostaria de viajar nesta altura do ano, mas desiste sempre porque quer levar o seu animal de estimação e nunca encontra hotéis que o aceitem, aqui tem uma opção para si.

Entrar no Ano Novo num hotel rural com piscina interior

Começar o ano num hotel rural calmo, onde poderá desfrutar de paisagens agradáveis e relaxar na piscina interior e terminar com uma refeição saborosa, sem nunca ter que por os pés no exterior, é uma ideia apetecível. Se ficou intrigado com a ideia, dê uma vista de olhos ao artigo abaixo e selecione o alojamento que mais lhe agrada. Depois só terá que convencer a família ou o seu grupo de amigos!

Casas de Campo em Portugal para um Réveillon acolhedor

E que tal juntar a família (ou os amigos) e alugar uma Casa de Campo para a Passagem de Ano? Mesão Frio, Arcos de Valdevez ou Sernacelhe são alguns dos destinos à sua escolha. Entre passar os dias a admirar as paisagens pela janela da sua casa enquanto ouve o crepitar da lareira e explorar a pé a fauna e flora locais, terão certamente muito com que se entreter ao mesmo tempo que repõem as energias para começar um novo ano.